Conheça Barra Velha

Barra Velha possui excelente infra-estrutura voltada basicamente para o turismo. Praias de visual deslumbrante, algumas até medicinais, e uma bela lagoa de água doce que convida para a prática de esportes náuticos. Município de origem açoriana que ainda conserva as características típicas de uma verdadeira vila de pescadores.

A origem do nome Barra Velha está ligada à mudança da saída do rio Itapocu no oceano Atlântico. De acordo com os historiadores, tudo começou em 1504, quando o navegador Binot de Godville observou que havia uma barra que recebia águas de dois rios que desembocavam junto às pedras de um costão. Assim se formou uma barra de boa profundidade. Com o tempo, a ação dos ventos na areia foi assoreando até fechar completamente. Isto causou uma inundação na região que provocou a abertura de uma nova barra, atualmente chamada de Boca da Barra. E foi assim que a região passou a ser conhecida como Barra Velha.

A cidade oferece ótimos hotéis, bares e restaurantes para os visitantes. Sua população é de 15 mil habitantes, sendo que na alta temporada esse número se eleva muito devido à visita de turistas que vem para passar férias. São nove lindíssimas praias que garantem a diversão, muito banho de mar, oportunidade de praticar esportes náuticos e aquáticos, trilhas e passeios. Algumas praias quase desertas, outras como a Praia do Grand e a praia do centro oferecem serviços variados e comodidade completa com lugares aconchegantes para quem deseja passar dias agradáveis. Dizem que a Praia do Grand guarda segredos ainda do tempo em que passavam por ali, muitos piratas. Na Praia de Itajuba rola muito surfe e badalação. As ondas de Itajuba são fortes e disputam a atenção dos visitantes com a preferida dos surfistas, Praia do Tabuleiro. As praias de Pedras Brancas e Pedras Negras são de uma beleza rara que encanta a todos os passantes que admiram como escultura, a cor e a colocação das pedras como se tivessem sido organizadas com a mão uma a uma.

A Fenapir ou Festa Nacional do Pirão como é conhecida, atrai milhares de pessoas à Barra Velha, um dos principais atrativos da festa, é o concurso nacional do mais rápido comedor de pirão do Brasil. O local possui uma infra-estrutura que comporta shows e atrações culturais, exposições de artesanatos, praça de alimentação e locais com muitas brincadeiras e descontração. Grande destaque também, para as festas de Nossa Senhora dos Navegantes com procissão marítima, e do Divino Espírito Santo, herança açoriana trazida por Joaquim Alves da Silva fundador da cidade.

Uma visita aos pontos turísticos da cidade faz parte do roteiro dos passeios de Barra Velha, entre eles está o Cristo Redentor, uma réplica do Cristo que fica no Rio de Janeiro; o Cruzeiro e o Costão dos Náufragos, local onde ocorreu o naufrágio de combatentes da Guerra do Paraguai em 1865, e a Barra da Lagoa, um lugar onde se pode admirar o encontro das águas da lagoa com o mar. Barra Velha é um dos balneários mais procurados do sul, e oferece dias de alegria e aventura para pessoas de qualquer idade ou cultura.